A+ A A-

Núcleos Visitáveis

 

 

 

 

 

  

< Em virtude dos incêndios ocorridos, a estação de Arte Rupestre de Molelinhos e os Ambientes do Ar encontram-se temporariamente encerrados. >

Para além do seu núcleo sede, o Museu Municipal de Tondela dispõe de um espaço destinado às reservas, localizado na freguesia de Nandufe. Encontrando-se em funcionamento desde janeiro de 2005, este espaço está destinado ao acondicionamento de objetos e coleções, dispondo ainda de um laboratório de conservação e restauro.

Desde a sua génese, pretendeu-se que o Museu Terras de Besteiros tivesse uma estrutura sectorial, repartida por núcleos museológicos que se encontrassem dispersos por todo o concelho. Esses núcleos - dos quais podemos salientar a Anta da Arquinha da Moura, a estela-menir de Caparrosa, a estação de Arte Rupestre de Molelinhos e os Ambientes do Ar - podem ser visitados mediante marcação prévia.

A Anta da Arquinha da Moura, situada na freguesia de Lajeosa do Dão, é um notável exemplar da cultura megalítica e está classificado como Imóvel de Interesse Público. Trata-se de um monumento funerário com mais de 5000 anos de História e, no seu interior, os visitantes poderão descobrir um fascinante conjunto de pinturas rupestres.

A estela-menir de Caparrosa é um imponente monólito de granito erguido pelo Homem pré-histórico algures entre finais do V milénio ou inícios do IV milénio a.C.. Localizado junto à estrada N228, na fronteira entre os concelhos de Tondela e Viseu, este monumento megalítico distingue-se pela sua imponência e por apresentar todas as faces decoradas com gravuras.

A estação de Molelinhos (identificada pelo investigador local, Dr. António Almiro do Vale, no ano de 1932) representa um importante sítio rupestre, composto por seis painéis de xisto adornados com dezenas de gravuras. Classificada como Imóvel de Interesse Público, esta estação está localizada no lugar da Carvalheira, freguesia de Molelos.

Os Ambientes do Ar têm como base um núcleo de moinhos hidráulicos situado junto à aldeia de Souto Bom (freguesia de Caparrosa). A autarquia promoveu a recuperação deste património, aproveitando-o como fator de desenvolvimento local e como elemento de educação ambiental. Estando ligados entre si por plataformas de acesso, cada moinho foi apetrechado com um equipamento pedagógico diferente, apelando à descoberta do Universo, da Natureza e da energia.

O Museu Terras de Besteiros, ao integrar esta multiplicidade de monumentos e sítios, pretende documentar e divulgar todo o território concelhio, de uma forma verdadeiramente descentralizada.

Agenda de eventos (2)

Próximos eventos (2)

Sorry, no events.

Câmara Municipal de Tondela © Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: mixlife